acesse o RN blog do jornalista João Bosco de Araújo [o Brasil é grande; o Mundo é pequeno]


segunda-feira, 17 de setembro de 2018

Encontro no RN discute regionalização de serviços de Saúde e plataforma DigiSUS

Debate girou em torno da implantação das Macrorregiões de Saúde no estado, nas ações de atenção básica e de média e alta complexidade. Também foi apresentada nova plataforma do DIGISUS

O Núcleo Estadual do Ministério da Saúde no Rio Grande do Norte (NEMS/RN) sediou, na última sexta-feira (14), um seminário para o debate em torno da implantação das Macrorregiões de Saúde no Estado, nas ações da atenção básica e de média e alta complexidade. Na ocasião também foi apresentada a nova plataforma de gestão DigiSUS. O encontro contou com o apoio do Departamento de Articulação Interfederativa do Ministério da Saúde (DAI/SE/MS).

O seminário faz parte do cronograma apresentado para a execução do Planejamento Regional Integrado, previsto na Resolução nº 37/2018 da Comissão Intergestores Tripartite (CIT), cujo principal objetivo é organizar os estados das regiões Centro-Oeste, Sudeste, Nordeste e Sul em macrorregiões. O Rio Grande do Norte foi dividido em duas macrorregiões, sendo elas Natal, que contempla toda a região metropolitana, e Mossoró, abrangendo o interior do estado.

Participaram do evento, no auditório do Núcleo, em Natal, a coordenadora-geral do NEMS/RN, Luciana Clédina Lopes;  a coordenadora-geral de Articulação de Instrumentos da Gestão Interfederativa do DAI, Noely Fabiana Oliveira de Moura, e os técnicos Ricardo Sales e Cláudia Correia,  do DAI; servidores da Seção de Apoio Institucional e Articulação Federativa do NEMS/RN e representantes de outros órgãos, como Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap-RN), Conselho de Secretarias Municipais de Saúde (Cosems/RN), Coordenadoria de Hospitais e Unidades de Referência (Cohur) e Coordenadoria de Planejamento e Controle do Sistema de Saúde (CPCS), totalizando mais de trinta participantes.

A coordenadora-geral de Articulação de Instrumentos da Gestão Interfederativa do DAI, Noely Fabiana Oliveira explica que a escolha das sedes virtuais das macrorregiões de Natal e Mossoró foi realizada a partir de estudo do Ministério da Saúde em parceria com a Universidade Federal de Minas Gerais. Além disso, ela ressalta a importância das reuniões regionais para o alinhamento das principais questões e delimitar novas diretrizes. “Estamos aqui para ouvir vocês e assim buscar as melhores resoluções para o estado”, disse.

O processo de macro-regionalização visa melhorar a resolutividade em saúde, ampliando o atendimento de saúde básica e concentrando o atendimento de média e alta complexidade, assim disponibilizando os três níveis em todo o território estadual. O Rio Grande do Norte possui, atualmente, oito regiões e de acordo com o projeto a implantação das macrorregiões não altera as que já existem, apenas agrupa-as.

Durante o encontro, a assessora da Coordenadoria de Planejamento de Serviço e Saúde do RN, Maria Goretti Fernandes Cunha apresentou o cronograma de estabelecimento das macrorregiões que foi dividido em sete etapas. Segundo ela, com este calendário será possível cumprir o Planejamento Regional Integrado (PRI), obedecendo as necessidades de cada município.

A representante do COSEMS/RN, Solane Costa reafirmou a necessidade de divisão regional. “Ficamos com duas macrorregiões por conta da série histórica dos serviços de alta complexidade nas duas macro, é um processo de construção. O ser humano precisa de atendimento básico e de alta complexidade, só uma macrorregião não dará conta, este é o reconhecimento que consideramos e repassamos para o ministério e a comissão Tripartite”.

Segundo a chefe da Seção de Apoio Institucional e Articulação Federativa do NEMS/RN, Fabiana Figueiredo, o grupo de planejamento regional pode agregar ainda mais componentes e tornar o processo de construção mais participativo. “Nós temos muitos movimentos, precisamos retomar esse grupo, ampliar, porque já temos muito construído e precisamos juntar, discutir, levar para as regiões e publicizar”.

Plataforma DigiSUS

Finalizando as discussões, foi apresentada a plataforma DigiSUS que institui a estratégia de saúde digital no Brasil. Este instrumento de planejamento substituirá outras duas ferramentas utilizadas atualmente nas gestões. O sistema auxiliará principalmente no envio dos planos gerenciais de saúde pública, possibilitando uma troca maior entre estado e município em prol da regionalização.

Cláudia Correia, da Seção de Instrumentos do SUS do Departamento de Articulação Interfederativa (DAI) trouxe ao seminário a situação atual do estado em relação ao gerenciamento dos planos municipais de saúde. De acordo com os dados apresentados, dos 167 municípios do RN, pouco mais de 50% ainda não enviaram os planos municipais de saúde referentes ao ano de 2017.

Ainda ficou esclarecido que a plataforma está em fase de teste e que a previsão de lançamento será até o final de setembro. [Portal da Saúde]
Fotos: Renata Duarte/ascom ms/rn
©2018 www.AssessoRN.com | Jornalista João Bosco Araújo - Twitter @AssessoRN

A roda de samba "Cores do Nosso Samba" está de casa nova na Associação Médica do RN

Com o intuito de circular pela cidade atingindo novos públicos e de fazer girar a roda do movimento do samba em Natal, a próxima edição do “Cores do Nosso Samba” ocupará o amplo pátio da Associação Médica do RN.
A edição de outubro que acontece no dia 06, sábado, às 16h, conta com o patrocínio da Prefeitura do Natal e da Unimed Natal, por meio do Programa Djalma Maranhão e apoio cultural da Associação Médica do RN, e terá participações especiais de Analuh Soares, Carlos Britto, Denise Moreira, Diana Rafaelly, Rico Dias e Zorro (compositor homenageado).

Além do novo espaço e do novo horário- uma sugestão de grande parte do público por meio das pesquisas de opinião aplicadas nas rodas anteriores - outra novidade da próxima edição é a venda antecipada de mesas pelo site sympla.

O “Cores de Nosso Samba” trará também no novo formato, novidades em seu cardápio de petiscos e bebidas com preços mais acessíveis, fomentando assim o segmento da economia criativa local.

O grupo de samba “Cores do Nosso Samba”, além da anfitriã Valéria Oliveira, é formado por Raphael Almeida (cavaco) conduzindo os trabalhos & Jubileu Filho (7 cordas), Alexandre Moreira (bandolim), Aluizio Pizão, Cicinho, David Silva e Kelliney Silva (percussões) e Dani Lucass e Michelle Lima (vocais).

SOBRE O NOVO ESPAÇO

A Associação médica do RN, conhecida por diversos artistas potiguares por abrigar diversos eventos culturais, foi recém reformada e situa-se na Av. Hermes da Fonseca, ao lado do Museu Câmara Cascudo.

TRAJETÓRIA DA RODA “CORES DO NOSSO SAMBA”

A roda Cores do Nosso Samba circula desde 2014 por espaços culturais, bares, shoppings e teatros. Estreou no Espaço cultural Buraco da Catita (Ribeira), passou pelo Sea Way Shopping (Ponta Negra), na ocasião realizou o lançamento do selo em homenagem ao centenário do samba, desembarcou no Bar 294 (Petrópolis), e neste ano, realizou quatro edições no foyer do Teatro Riachuelo (Tirol).

Pelo projeto já passaram grupos, sambistas e intérpretes de samba de várias regiões do país como Toninho Geraes, Dorina, Jôsy Ribeiro, Daúde, Berthone Oliveira, Didi Assis, entre outros, e nomes de peso da cena potiguar como Sueldo Soares, Dodora Cardoso, Rafael Barros, Matheus Magalhães, Marcos Souto, além de grupos como o “Quarteto Linha”, entre outros grandes, somando cerca de 40 participações nestes 4 anos de projeto.

SERVIÇO:

Roda “Cores do Nosso Samba”

Dia 06 de outubro, sábado, às 16h.

Entrada a partir das 15h30.

Local: Associação médica do RN

Av. Hermes da Fonseca, nº 1396, ao lado do Museu Câmara Cascudo.

Ingressos à venda a partir de 19 de setembro

Preços promocionais até 29 de setembro:

Mesa com 4 lugares: R$100,00

Senhas individuais: R$20,00

Ingressos e mesas: https://www.sympla.com.br/

Convênio com o Estacionamento Brasil Parking, no Aeroclube Natal, com desconto especial.

Informações: 9 9988-9421
Luciana Oliveira
Assessora de Imprensa
Foto relacionada à divulgação

Livro “Saara - Quando o deserto se torna verde” tem Lançamento no Dia da Árvore

Para a celebração do Dia da Árvore, que transcorrerá no dia 21 (sexta-feira), no horário das 10h às 13h, a ONG Baobá, convida para o lançamento do livro em HQ “SAARA - quando o deserto se torna verde” do autor Haroldo Mota, ativista ambiental, presidente da instituição. O livro é ilustrado pelo artista gráfico Wanderline Freitas.

O lançamento do livro, faz parte das comemorações dos quinze anos de atividades da instituição. E o cenário do lançamento, não poderia de ser em outro espaço. Escolhemos a maior árvore de baobá das Américas, o “Baobá do Poeta”, localizado na Rua São José, no bairro de lagoa Seca, Natal/RN.

O espaço é simbolicamente representativo, pois a história do livro versa sobre a importância das árvores no equilíbrio ambiental, frente as mudanças climáticas, solidificando a ideia sobre um futuro de equilíbrio atmosférico, pela implantação de uma nova floresta tropical.

A arrecadação com a venda do livro será destinada à Escola Estadual Professora Maria Ikla de Moura, localizada na rua Dr. Manoel Miranda, 2758, bairro de Bom Pastor, Natal – RN.

Confirmadas as presenças no lançamento do livro, os professores e escritores: Diógenes da Cunha Lima e Tomislav R. Femenick, dos jornalistas e escritores Flávio Rezende e Glácia Marillac; além do presidente do Instituto Histórico Geográfico do RN – IHGRN, o Dr. Ormuz Simonneti, e o Capitão Styvenson, candidato ao senado pelo nosso Estado.

Segundo a professora Dra. Marise Costa S Duarte, do curso de Direito da UFRN, "Haroldo é mais do que uma pessoa inspiradora. É alguém que nos motiva continuamente, a ‘arregaçar as mangas’ e trabalhar, com coração, pela melhoria do nosso precioso ambiente. De forma lúdica e criativa, seu pequeno livro rega nossos sonhos e nossa esperança de que podemos muito mais do que achamos possível. Parabéns, Haroldo! Sua força, fé e sonhos nos contagia!!”.

MOMENTOS
Haverá um ato ecumênico celebrado pelo reverendo Gecionny Pinto, da Paroquia do Sagrado Coração de Jesus, e o padre Marcos Lima, membro da comissão arquidiocesana para o ecumenismo e diálogo interreligioso.

O ato contará ainda com “Contação” de história por Daluzinha Avlis, recitação poética de Duda da Boneca, apresentação da saxofonista Vercy Prietto Dias, citação poética das crianças Helena Marillac e de aluna Zoe Seyahian, e serão sorteadas cinco árvores de pau brasil.

A cobertura fotográfica será realizada pelo mago da fotografia, Canindé Soares.

SERVIÇO
Lançamento do livro em HQ “SAARA - quando o deserto se torna verde”

Autor: Haroldo Mota / Ilustrador: Wanderline Freitas

Data: 21.09.2018 (sexta-feira) / Horário: 10h às 13h

Local: Baobá do Poeta - Rua São José, Lagoa Seca, Natal/RN.

Valor: R$ 10,00

Informações: Tel.: (84) 9.8845.4603
Enviado por Haroldo Mota
haroldofmota@gmail.com
imagem relacionada à divulgação

Alunos de escola na capital conquistam o 2º lugar na etapa estadual da Olimpíada Brasileira de Robótica


Natal sediou no último final de semana a etapa estadual da maior competição de robótica do país, a Olimpíada Brasileira de Robótica - OBR. Os alunos do Instituto Educacional Casa Escola (IECE) entraram como estreantes na competição e saíram do evento, no IFRN Campus Central, com o troféu de 2º lugar e o ticket carimbado para a etapa nacional, que acontecerá em João Pessoa, em novembro.

Os alunos de 8º e 9º ano integravam a “Equipe Máquina” e consolidaram, com o resultado, a força da instituição no ensino de robótica e tecnologia. [por assessoria de imprensa]
Foto relacionada à divulgação

domingo, 16 de setembro de 2018

No dia em que a memória brasileira pegou fogo

2 de setembro de 2018: a memória virou cinza!

Por Luciano Capistrano - Professor e Historiador*

A noite de domingo, dia 02 de setembro, ficará marcada como o nosso “trágico setembro”. Perdemos, a sociedade brasileira perdeu, confesso, não resisti, fui às lágrimas ao ver o Museu Nacional em chamas. Imagem do terror, um terror a muito anunciado, pois, há anos, as Instituições Científicas e de Ensino, sofrem o descaso, de gestões públicas indiferentes a produção do conhecimento. As chamas, consumiram em poucas horas anos e anos de pesquisas, de estudos, do acervo repleto de raridades, nos diversos campos do conhecimento.

Em junho, passado, o Museu Nacional, completou 200 anos de existência, em sua trajetória seu acervo foi enriquecido, chegando a um número grandioso: 20 milhões de itens, fazendo do seu acervo um dos mais importantes do mundo. Luzia, fóssil mais antigo da américa, encontrado no Brasil, uma mulher de mais de 11.500 anos, não resistiu aos desmanches ou a não existência de políticas públicas preservacionistas de nossa memória.
Nossas casas de memórias, estão em risco. O fogo transformou em cinzas raridades,como por exemplos, pergaminho datado do século XI com manuscritos em grego sobre os quatro Evangelhos; a Bíblia de Mogúncia, de 1462, primeira obra impressa a conter informações como data, lugar de impressão; a crônica de Nuremberg, de 1493, considerado o livro mais ilustrado do século XV, com mapas xilogravados tidos como os mais antigos impressos em livro, estes são apenas uns dos milhões de documentos perdidos. Criado por Dom João VI, ocupando um belíssimo prédio histórico, o Palácio São Cristóvão, na Quinta da Boa Vista, residência real, desde a chegada da família imperial portuguesa, em 1808, foi a partir de 1892 instalado o museu.

Na semana da pátria, quando a sociedade brasileira celebra a Independência, somos tomados pelo sentimento de perda, no que existe de mais simbólico, quando pensamos em uma identidade nacional, nossa memória se esvaiu nas chamas da irresponsabilidade de gestores malfeitores da coisa pública. Nossa cidade Natal, como o Brasil, carece de uma política de valorização dos arquivos e museus, como espaços guardiões de nossa memória. Nestes lugares, apesar da boa vontade dos seus funcionários, falta infraestrutura e equipamentos adequados para a conservação do acervo.

Um exemplo, bem ilustrativo, da situação destes lugares de memória, são o arquivo Público Estadual e o Instituto Histórico e Geográfico do Rio Grande do Norte. Volto a repetir, meu caro leitor, nossos arquivos contam com profissionais comprometidos na preservação da documentação pertencentes aos seus acervos. Acervos em situação de risco. Coleções de jornais, manuscritos, fotografias, livros de óbitos, diversos tipos de documentos, enfim, encadernados, mas impossibilitados de serem consultados, pois, o estado em que se encontram correm riscos de abertos, se desmancharem, virarem pó.

Urgente faz necessário, desenvolver políticas públicas referentes a preservação dos acervos guardados nestes lugares de memória. Os arquivos públicos ou particulares e museus, não podem serem tratados como, “lugar de mortos”, e sim “lugar de vivos”. Espaços em que encontramos o pulsar das gerações passadas, fazedores do amanhã. Aos órgãos de preservação da memória nacional, resta efetivar uma política de salvaguardar os acervos deixados por nossos antepassados.

Uma política que contemple dois vieses: a organização dos arquivos e museus e o desenvolvimento de Educação Patrimonial. Deste modo, o indicativo infraestrutura e educação caminhando de mãos dadas na guarda dos “tesouros da história”. O Patrimônio Histórico/Cultural, necessita de proteção, e, não basta apenas uma legislação faz necessário uma ação de Estado, uma Política Pública de gestão deste Patrimônio. 02 de setembro de 2018: a memória virou cinza!
Imagem relacionada à publicação/divulgação

*Com publicação na página do Jornal ZonaSul.

©2018 www.AssessoRN.com | Jornalista João Bosco Araújo - Twitter @AssessoRN

sexta-feira, 14 de setembro de 2018

Cidade da Criança em Natal recebe neste sábado o Festival Radhastami BemOriental


O I Festival Radhastami BemOriental, neste sábado 15, na Cidade da Criança, das 10 às 18h, promete shows, vivências com instrutores como Olga Trindade, Prem Hasido e Flávio Ferreira, entre outros, performances, apresentação das crianças do Centro Infantil a Arte de Nascer, devidamente conduzidas pelo mestre Alvamar Medeiros, apresentação da banda Atmadas com repertório de músicas orientais e sucessos transcendentais, além de dança, fala sobre Radha e venda de produtos diversos.
 
Os organizadores Flávio Rezende, Nitay Chand e Radha Gopali aproveitam o evento para homenagear pessoas que contribuíram e/ou contribuem para o bom nome da Cultura Oriental no RN, figurando na lista: Sandra Erickson, Prem Hasido, Getúlio Costa, Wanda Mieko, Alexandre Atmarama, Olga Trindade, Radha Gopali, Angelita Araújo, Seve Cunha, Flávio Ferreira e Prof Hermógenes (in memoriam).

As apresentações musicais e a homenagem ocorrem no palco a partir das 15h e demais eventos nas diversas instalações da Cidade da Criança. O evento tem apoio da Fundação José Augusto/Governo do Estado do RN e das fms Universitária, Tropical e 104.

Serviço:

Festival Radhastami BemOriental

Dia 15 de setembro na Cidade da Criança

10 às 18h

Entrada: R$ 2,00

Feira artesanal, shows, homenagem e vivências diversas

Informações: 9.9902-0092

Comissão Organizadora:

Flávio Rezende, Radha Gopali e Nitay Chand.
Divulgação Voluntária
Fotos relacionadas à publicação

Fique ligado nas notícias do bem da Casa Durval Paiva


Informes semanal da Casa

DIAGNOSTICO PRECOCE
O mês de setembro também é marcado pela conscientização sobre os linfomas. O dia 15/09 é lembrado em todo o mundo em alusão a causa. Esse e outros tipos de câncer infantil quando diagnosticado precocemente possibilitam alto índice de cura, sem sequelas. Confira entrevista com Dra. Cassandra Valle, oncologista pediatra da LIGA, concedida na live da Casa Durval Paiva ao jornalista Fernando Campos. https://bit.ly/2p6MOMA

AUDIÊNCIA PÚBLICA - NOVA DATA
Todos os setores da sociedade potiguar são convidados a discutir sobre a temática do câncer infantojuvenil na audiência pública que acontece na próxima quinta, 20/09, às 14h, na Assembleia Legislativa do RN. A proposição é do deputado Hermano Morais (MDB). A ação faz parte da programação da Campanha Setembro Dourado, promovida pela CONIACC, com participação da Casa Durval Paiva e do GACC/RN.

AÇÃO INFÂNCIA E VIDA
Prossegue até 30 de setembro a Ação Infância e Vida, uma parceria entre o Banco do Brasil e a CONIACC. A campanha, que está no quarto ano, também visa divulgar informações sobre os sinais e sintomas do câncer infantojuvenil e seu diagnóstico precoce. Tem ainda como propósito arrecadar doações para fortalecer o sistema de apoio e assistência à criança e ao adolescente com câncer em todas as regiões do Brasil. As doações para a Ação Infância e Vida podem ser em reais, pontos Livelo, Dotz e Pontos para Empresa. Acesse: bb.com.br/infanciaevida

Banco: 001
Agência: 2870-3
C/C: 33000-0
CNPJ: 10.807.169/0001-01

SAMBA DO VOLUNTÁRIO
A Casa Durval Paiva é uma das instituições que será contemplada pelo Samba do Voluntário, um evento simultâneo e beneficente que vai acontecer em várias cidades do Brasil e do mundo, reunindo amantes do samba, no dia 23/09, das 15 às 20h. No RN, a iniciativa será na Arena das Dunas. O ingresso pode ser adquirido mediante doação de uma lata de leite em pó integral (400g) nos pontos de troca Sesc RN (Cidade Alta e Zona Norte) Lojas Le Postiche (Midway e Natal Shopping), Sebrae RN (Sede Natal) e Sesi RN (Sesi Clube). Informações: https://www.outgo.com.br/evento/14078

NAS ESTRADAS DO BEM
As famílias assistidas pela Casa Durval Paiva, através do Projeto Vida, recebem todos os anos a visita social da instituição, com doações patrocinadas pelo Instituto Ronald McDonald. Neste mês, a equipe chega às cidades de: Santo Antônio, Montanhas; Passa e Fica; Várzea; Lagoa D' Anta; Jundiá de Cima, Lagoa de Pedras, Macaíba, São Tomé, São Paulo do Potengi, São Pedro, Bom Jesus, São José de Mipibu, Nísia Floresta e Senador Georgino Avelino.

PROJETO PEDAGÓGICO
As crianças e adolescentes da Casa Durval Paiva estão resgatando a cultura popular potiguar dentro do projeto pedagógico da Classe Domiciliar, inserido no Projeto Viver Feliz, financiado pelo COMDICA/FIA. A atividade visa ampliar o repertório cultural e de conhecimento de mundo através de propostas de ensino multidisciplinar, partindo das demandas apresentadas pelo grupo de alunos.

Casa de Apoio à Criança com Câncer Durval Paiva
Assessoria de Comunicação
Sandra Cerqueira
Assessora de Imprensa
Fotos relacionadas à divulgação

Peregrinação prepara fiéis para a festa da padroeira de Natal


A partir da próxima segunda-feira, 17, mais de cem capelinhas com a imagem de Nossa Senhora da Apresentação vão visitar lares de fiéis e devotos, em preparação para a festa da padroeira da Arquidiocese e da cidade do Natal. A missa de envio das capelinhas acontecerá na Catedral Metropolitana, segunda-feira, às 19 horas, presidida pelo Padre Edmilson, da Comunidade Canção Nova.
  
A peregrinação das capelinhas acontece no período de 17 de setembro a 9 de novembro. No mesmo período, uma imagem da padroeira também peregrina por escolas, instituições governamentais e não governamentais.

A festa de Nossa Senhora da Apresentação será celebrada no período de 11 a 21 de novembro.

SERVIÇO

Peregrinação da imagem de Nossa Senhora da Apresentação

Data: 17 de setembro a 9 de novembro

Local: Residências de devotos e instituições, na capital
Assessoria de Comunicação
Arquidiocese de Natal
(84) 3615-2800 / 99968-6507
Imagens relacionadas à divulgação

Novas formas de tratamento de doenças digestivas serão debatidas em Natal


II Gastro Natal ocorrerá do dia 20 a 22 de setembro, no Holiday Inn

Profissionais da saúde de Natal, especialmente os ligados à gastroenterologia, se reunirão na segunda edição do Gastro Natal, que ocorrerá nos dias 20, 21 e 22 de setembro, no salão de eventos do Holiday Inn Natal Hotel, em Lagoa Nova. O evento, promovido pela Sociedade de Gastroenterologia do RN (SGRN), é uma oportunidade para atualização e ampliação de conhecimentos no tratamento e prevenção de diversas patologias digestivas.

‘Síndrome do Intestino Irritável’, ‘Insuficiência Exócrina do Pâncreas’, ‘Cirurgia Bariátrica’, ‘Lesões pré-malignas no estômago’, serão alguns dos temas em debate. A programação conta com mesas redondas, conferências e sessões de vídeos livres.

Estão confirmados relevantes profissionais da área médica, locais e de outros estados, como o gastroenterologista Roberto Magalhães Filho, vice-presidente da Federação Brasileira de Gastroenterologia (FBG); José Galvão Alves, ex-presidente da FBG, autor de cerca de 15 livros publicados na área de Medicina; Tarciana Costa, presidente da Comissão de Residência Médica da Secretaria Municipal de Saúde de João Pessoa (Coreme/SMS-JP), entre outros.

“Será um evento científico destinado à atualização e troca de experiências sobre enfermidades que acometem o aparelho digestivo, com ênfase nos aspectos clínicos, endoscópicos e cirúrgicos”, afirma Roberto Oliveira, presidente da II Gastro Natal e da SGRN. Poderão participar médicos associados e não associados, além de residentes e estudantes de Medicina.

Por Assessoria de Imprensa

Especialização em Tecnologias Educacionais realiza aula inaugural


A Especialização em Tecnologias Educacionais da Rede e-Tec Brasil na UFRN, ofertada pela Escola Agrícola de Jundiaí (EAJ) com apoio do Instituto Metrópole Digital (IMD), realizou nesta quarta-feira (12) sua aula inaugural.

O evento aconteceu na direção da EAJ, contou com a presença de professores e alunos da pós-graduação e foi transmitido ao vivo pela internet (está disponível em www.youtube.com/eteceaj). O curso é a primeira especialização lato sensu da EAJ a distância com encontros presenciais.

O professor Ivonildo Rêgo, diretor do IMD, proferiu uma palestra sobre as Tecnologias na Educação e a atuação do Instituto. Ele destacou a Quarta Revolução Industrial e a importância da Tecnologia da Informação no desenvolvimento socioeconômico do Rio Grande do Norte.

O coordenador geral da Rede e-Tec Brasil na UFRN, professor Max Lacerda historiou a atuação do programa na Instituição. Com reconhecimento nacional, o e-Tec da UFRN é referência na gestão e na atuação da educação profissional a distância.

“Constatamos que seria necessário um espaço apropriado para registar e analisar nossas práticas. A pós-graduação é o ambiente ideal para produzirmos conhecimento na área, a partir de então trabalhamos no desenvolvimento da Especialização”, contou o coordenador.

O diretor da EAJ, professor Julio César de Andrade, destacou o crescimento da Escola, que começou com um curso técnico e hoje se destaca até na pós-graduação. “É um momento muito gratificante pelo patamar que a EAJ alcançou, graças ao trabalho de muitos profissionais qualificados e dedicados”, pontuou.

A coordenadora da Especialização, professora Adja Ferreira, apresentou os objetivos gerais do curso, o corpo docente – formado por especialistas, mestres e doutores, o perfil dos alunos (por município de origem e por formação) e falou sobre rendimento acadêmico.
Gilberto Oliveira
Jornalista (JP 1641 RN)
Mestre em Estudos da Mídia (UFRN)
Foto relacionada à divulgação

Setembro Verde incentiva doação de órgãos para transplantes no RN


A Central de Transplantes do Rio Grande do Norte está desenvolvendo diversas ações alusivas ao Setembro Verde, mês dedicado à conscientização da importância da doação de órgãos. A campanha tem por objetivos informar, esclarecer dúvidas e incentivar a sociedade quanto à doação.

Entre as ações programadas para o mês estão cursos, palestras e seminário, culminando com a VI Caminhada pela Vida, dia 29 de setembro, com saída às 7h30 do IFRN da Av. Sen. Salgado Filho e chegada ao Parque das Dunas. O evento marca a passagem do Dia Nacional da Doação de Órgãos, celebrado em todo o país em 27 de setembro. Entre as instituições parceiras na campanha estão a Secretaria Municipal de Saúde, IFRN, UNI RN e o Instituto do Bem.

“A maior dificuldade para a doação de órgãos é a recusa familiar e a principal causa apontada é o desconhecimento em vida do desejo de doar seus órgãos por parte do falecido, por isso é tão importante comunicar em vida o desejo da doação”, explica o coordenador da Central de Transplantes do RN, Yuri Galeno. “Temos trabalhado para conscientizar a população e estimular que o assunto ‘doação de órgãos’ esteja cada vez mais inserido nos diálogos informais nas famílias e grupos de amigos”.

Atualmente, o Rio Grande do Norte ocupa o 3º lugar no Nordeste, em número de doações de órgãos com 11,4% por milhão de população (pmp). O Ceará está em primeiro lugar, com 25,9% pmp e Pernambuco em 2º lugar, com 17,7% pmp.

O RN realiza transplantes de rins, córnea e medula óssea, sendo o de córneas o maior quantitativo, com 83 transplantes realizados entre janeiro e julho de 2018. No mesmo período foram realizados 29 transplantes de rim.

No estado existem, cadastrados na lista ativa de espera, 177 pacientes aguardando transplante de córnea, 213 aguardando por um transplante renal e 50 pessoas à espera por um transplante de medula.
SERVIÇO
PROGRAMAÇÃO “SETEMBRO VERDE”


DATA
LOCAL
EVENTO
PÚBLICO ALVO
06/09 até 26/09
Mossoró (pontos diversos: hospitais, igrejas, universidades, unidades de saúde, outros)
Panfletagem sobre a importância da doação de órgãos
População em geral, imprensa
13/09
15h30
Hospital Municipal de Natal
Palestra: O Processo de Doação de órgãos e tecidos para transplantes.
Profissionais da rede municipal
14/09

Escola Estadual
Presidente
Kennedy
Evento de pesquisa e extensão – UFRN
Profissionais e alunos da escola
20/09
15h
Hospital Municipal de Natal
Doação de órgãos e tecidos: Mitos e verdades
Profissionais da rede municipal
21/09
15h
Clínica CDR
Clínica CDR
Equipe, pacientes e familiares
25/09
15h
Clínica CDR
Clínica CDR
Equipe, pacientes e familiares
26/09
9h
Hospital Municipal de Natal
Diagnóstico de Morte Encefálica e manutenção do Potencial doador
Profissionais da rede municipal
27/09
14h
Hospital Tarcísio
Maia - Mossoró
Solenidade de moção honrosa aos familiares dos doadores de órgãos e colaboradores da CIHDOTT
Familiares dos doadores e servidores do hospital
27/09
8h
HUOL
II Seminário de doação de órgãos e tecidos para transplante
Profissionais da instituição
27/09
14h
UNP
Curso de doação de órgãos e Tecidos para transplante
Profissionais e acadêmicos da área da saúde
29/09
07h30 às 11h30
Concentração: IFRN Salgado Filho
Destino: Parque das Dunas - Natal
VI caminhada pela Vida
População em geral
04/10

UNP
Curso de doação de órgãos e Tecidos para transplante
Profissionais e acadêmicos da área da saúde
11/10

UNP
Curso de doação de órgãos e tecidos para transplante
Profissionais e acadêmicos da área da saúde


Sesap Comunicação
Postagens mais antigas Página inicial
Copyright © AssessoRN.com | Suporte: Mais Template