acesse o RN blog do jornalista João Bosco de Araújo [o Brasil é grande; o Mundo é pequeno]


quarta-feira, 28 de junho de 2017

Mostra Expoepi apresenta experiências bem-sucedidas no SUS

Evento começa nesta quarta-feira (28) e reúne palestras com especialistas, reuniões técnicas e exposições para trocar experiências sobre assuntos de vigilância em saúde

A troca de experiências bem-sucedidas em Epidemiologia, Prevenção e Controle de Doenças dentro do Sistema Único de Saúde (SUS) reúne, a partir dessa quarta-feira (29), em Brasília, mais de 2,5 mil profissionais do setor de saúde na 15ª Expoepi. Durante a mostra, que vai até sexta-feira (30), serão apresentados 782 trabalhos e experiências. Destes, serão premiados 45, entre os  mais bem-sucedidos.

O ministro da Saúde, Ricardo Barros, e o secretário de Vigilância em Saúde, Adeilson Cavalcante, participam da abertura do evento, nesta quarta-feira (28), às 19hs. A mostra irá difundir os serviços de saúde do SUS que se destacaram pelos resultados alcançados em atividades relevantes ao setor, além de dar visibilidade às ações de vigilância em saúde.

A 15ª Expoepi foi definida como uma etapa preparatória da I Conferência Nacional de Vigilância em Saúde que acontecerá em novembro deste ano. Para isso, será realizado o painel “Elementos essenciais para a construção de uma Política Nacional de Vigilância em Saúde”, na quinta-feira (29). Conduzido pelo Secretário de Vigilância em Saúde, Adeilson Carvalho, o painel conta ainda com a palestra do Prof Eliseu Waldman da USP.

Outro destaque da mostra é o lançamento do Plano Nacional pelo Fim da Tuberculose que ocorrerá durante o painel “Enfrentamento da tuberculose: o que esperar para os próximos anos”, que também acontece na quinta-feira (29). Na sexta-feira, um dos destaques é o lançamento do evento “Uma análise da situação de saúde e da epidemia pelo vírus zika e outras doenças transmitidas pelo Aedes”, no livro Saúde Brasil 2015-2016.

Ainda farão parte do evento, mesas redondas sobre temas relevantes para a saúde pública no país, como o painel Vigilância e resposta a emergências em saúde pública, que ressalta a introdução do zika no país e a recente emergência da febre amarela. Essa mesa discutirá como o país deve estar preparado em relação às arboviroses, projeção sustentada pelos estudos desenvolvidos pelo Instituto Evandro Chagas do MS. Arboviroses são doenças transmitidas por insetos, que incluem Zika vírus e dengue.

Criada em 2001 pela Secretaria de Vigilância em Saúde (SVS) do Ministério da Saúde, a mostra promove a atualização técnica e capacitação dos profissionais que atuam em diversas frentes, como controle de malária, dengue, imunização, doenças crônicas não transmissíveis e investigação de surtos, entre outras.

PROGRAMAÇÃO CULTURAL
Os participantes também poderão visitar a exposição de fotografias do Projeto MacroAmor, do fotógrafo  Joelson Souza. Com o apoio da União de Mães de Anjos (UMA), organização de mães sediada em Pernambuco, voltada para a garantia dos direitos das mães de crianças com microcefalia, o ensaio fotográfico, que ganhou o nome de Projeto MacroAmor, mostra com crianças acometidas pela síndrome do Zika e doenças correlatas e suas famílias. Também faz parte do programa cultural a apresentação do filme Snow, sobre o médico John Snow, reconhecido como o pai da epidemiologia moderna. Nos intervalos da programação da 15ª Expoepi serão exibidos filmes de curta metragem produzidos pelo Ministério da Saúde em todos os auditórios do evento. [Portal da Saúde > Saiba mais]

> Confira aqui a programação da 15ª Expoepi
Foto por SVS/MS

Universidade realiza cadastramento de classificados para vagas residuais a partir de 2ª feira

A Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) realiza a partir desta segunda-feira, 03/07, o cadastramento dos classificados no processo seletivo de reocupação de vagas residuais 2017.2. Os aprovados dentro do número de vagas em qualquer curso ofertado, independentemente da cidade sede, devem comparecer ao auditório do Departamento de Educação Física, no campus central da UFRN, ao lado do ginásio principal.

Ingressantes nos cursos de Ciências Exatas serão atendidos no dia 03, enquanto o dia 04 será reservado para as demais áreas: Ciências da Vida e da Saúde, Ciências Humanas e Sociais Aplicadas. Os retardatários de todas as áreas serão atendidos na quarta-feira, 05. Em todos os dias, o cadastramento acontece das 8h às 11h e das 13 às 16h.

Caso existam vagas não ocupadas após a conclusão da primeira chamada, serão convocados até o dia 06 de julho os suplentes para preencher as vagas remanescentes. O cadastramento dos candidatos da segunda chamada será nos dias 11 e 12 de julho, também no auditório do Departamento de Educação Física do campus central.

Após o cadastramento, os alunos serão matriculados automaticamente nas turmas do primeiro nível de seus cursos e devem, obrigatoriamente, confirmar o vínculo no período de 24 a 31 de julho. Outras informações constam no edital de cadastramento e matrícula, disponível na página www.prograd.ufrn.br. [por Marina Gadelha – ASCOM/Reitoria/UFRN]

Servidores da saúde do estado iniciam greve nesta sexta, informa sindicato

Sindsaúde promove ato pela manhã no Walfredo Gurgel e à tarde participa de protesto unificado da Greve Geral

Os servidores da saúde do estado iniciam uma greve por tempo indeterminado nesta sexta-feira (30), mesmo dia da greve geral marcada pelas centrais sindicais. A partir das 09h, eles promovem o ‘Arraiá da Saúde na Greve Geral”, em frente ao Hospital Walfredo Gurgel, em Natal. Em clima de festa junina, o protesto irá denunciar a situação salarial e as condições de trabalho dos servidores. Os servidores da saúde de Natal também irão participar dos protestos nesta sexta. Às 15h, terá início a manifestação da greve geral contra as reformas,  em frente ao Shopping Midway.

Entre as reivindicações, está o pagamento em dia e reajuste dos salários, ampliação das vagas do concurso público e a retirdada de projetos enviados pelo governo para a Assembleia Legislativa, como o que aumenta em 3% na contribuição dos servidores ao Instituto de Previdência do RN (IPERN), e a garantia dos recursos necessários para a saúde do RN.

A principal reivindicação é o fim do atraso no pagamento. O salário de maio será concluído somente nesta quinta-feira (29), para servidores e aposentados que recebem acima de R$ 4 mil. “Estamos há quase dois anos nessa situação. O que era uma coisa excepcional virou regra. Só que não vamos nos acostumar a trabalhar sem saber quando receber”, afirmou Manoel Egídio, coordenador-geral do Sindsaúde-RN.

Os servidores cobram também o cumprimento de pontos do acordo judicial da greve passada - como a revisão da lei da Produtividade e o concurso público – pelo acordo, o edital deveria ter sido publicado em março deste ano. Segundo dados da própria Secretaria de Saúde Pública (Sesap), três mil servidores se aposentaram desde 2014 (quando venceu o concurso anterior) e 44% da categoria já pediu ou está próximo de pedir a aposentadoria. O sindicato pede ainda a ampliação das 404 vagas previstas para o concurso, e critica a proposta de contratos temporários.

A greve tem início durante a vigência do decreto de calamidade na saúde do RN, publicado no dia 06 de junho no Diário Oficial. Após o decreto, o governo anunciou três repasses de R$ 50 milhões do governo federal para a saúde estadual.

INÍCIO DA GREVE DA SAÚDE DO RN
Sexta, 30 de junho
09h – Ato “Arraiá da Saúde na Greve Geral” Hospital Walfredo Gurgel
15h – Manifestação unificada, convocada pelas centrais sindicais, contra as reformas
Local: Cruzamento da Salgado Filho com Bernardo Vieira
CONTATO
Manoel Egídio Jr. (coord. geral Sindsaúde)  99924-1811
Comunicacão Sindsaude

Rede de Padarias da capital vence mais uma vez o Top of Mind Natal 2017

A rede de padarias Gosto de Pão continua colecionando premiações em Natal, onde atua com quatro unidades nas principais avenidas da cidade. Vem vencendo o Top Natal e continua na preferência da população - através de votação espontânea, alcançando quase três vezes a pontuação da segunda colocada no Top Of Mind, uma iniciativa da revista Foco Nordeste.

O empresário Tennyson Brito comemora mais este feito lembrando que o sucesso da Gosto de Pão está neste olhar para o consumidor e para os produtos comercializados, disponibilizando nas lojas alimentos que podem ser consumidos ali mesmo  - através de alimentação no peso, e os que são levados para casa, lembrando sempre da variedade dos itens expostos.

Kits juninos

A Rede de Padarias Gosto de Pão, nesta época junina, oferta kits que já são tradicionais na cidade. Para receber  a honraria esteve presente no evento a gerente da loja da Jaguarari, Mariza Otília. Além desta unidade na Jaguarari, a rede atua na Roberto Freire, Hermes da Fonseca e Prudente de Morais, se destacando pelo atendimento e variedade de produtos. [por assessoria]

Foto relacionada à divulgação

Natal Convention Bureau está em novo endereço, informa sua assessoria

O Natal Convention Bureau já está instalado em sua nova sede, ocupando duas salas (1204 e 1205) no charmoso Tirol Way Office. Na semana passada foram inseridas no ambiente as peças de sinalização com a nova identidade visual criada pela 3Rios Comunicação. Na quinta-feira (22), a equipe da entidade recebeu para uma reunião a Perfecta Contabilidade, representada pela diretora administrativa Raissa Torres e pela diretora operacional Karina Souza, informa a assessoria de imprensa da entidade.

Foto relacionada à divulgação

Entidades representantes do turismo potiguar participam de Missão na Alemanha

Nesse período de 18 a 24 de junho, o vice-presidente do Natal Convention Bureau George Costa, o presidente da ABAV-RN Abdon Gosson e o presidente da ABIH-RN José Odécio, entre outros representantes de entidades ligadas aos segmentos de Turismo, Gestão e Comércio estiveram na Alemanha a convite do Governo da Renânia-Palatinado, por intermédio da Fecomércio - RN.

A missão, além do fortalecimento da cooperação internacional entre o Sistema Fecomércio e o estado alemão da Renânia-Palatinado, teve como objetivo incentivar ainda mais o desenvolvimento de ações de capacitação profissional e parcerias dos setores público e privado no segmento turístico no estado do Rio Grande do Norte, inspiradas em modelos de sucesso desenvolvidos na Alemanha.

Durante os 7 dias em que esteve na Alemanha, o grupo participou de workshops, palestras e visitas técnicas, tendo conhecido o moderno sistema Dual de profissionalização, em que a capacitação se dá com formação teórica na escola, e prática, nas empresas.

O grupo teve a oportunidade de conhecer a plataforma de informações e pesquisas turísticas, exemplos de estratégias de marketing e produtos direcionados com base em pesquisas, uso sustentável de parques, cooperação entre os setores público e privado, além de uma parceria bem-sucedida entre produtores rurais e o setor turístico para fomentar a economia.

O presidente da ABIH-RN, Jose Odecio Junior, destaca a importância dessa missão como oportunidade para a evolução da visão que temos do turismo, nos aspectos de planejamento, qualificação e gestão, destacando que o sistema Dual de formação de mão de obra permite que os profissionais já saiam da escola com larga experiência profissional, o que para o mercado é fundamental.

Já o presidente da ABAV-RN, Abdon Gosson, destacou a formação de destinos, cuja visão é a integração do turismo com os vários setores da economia, como o comercio, a agroindústria e a agropecuária, bem como ao meio ambiente, tudo como um produto turístico.

Para o vice-presidente do Natal Convention Bureau, George Costa, a gestão do marketing e promoção do destino, é algo bastante interessante, pois baseia-se em pesquisas com o foco no cliente e em uma parceria permanente entre entes públicos, estado e municípios, junto com a iniciativa privada, onde todos opinam e colaboram financeiramente com as ações. [por assessoria de imprensa]

Foto relacionada à divulgação 

Universidade Federal do RN contribui para Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da ONU

Iniciativas desenvolvidas por diferentes setores da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) contribuem em sua essência para a concretização dos novos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), fixados pela Organização das Nações Unidas (ONU) em 2015 a fim de estimular ações em prol da humanidade, do planeta, da paz e da prosperidade. Essa agenda universal inspirou a realização do Fórum de Sustentabilidade, projeto do Departamento de Engenharia da Produção da UFRN em parceria com o Conselho Regional de Administração (CRA) e a Fundação de Apoio à Pesquisa do RN (Fapern), que teve sua terceira edição realizada no dia 15 de junho.

Com um formato diferente dos demais encontros, a programação aconteceu na praia de Areia Preta, onde uma caminhada de 2,5 quilômetros mesclou conscientização ambiental e coleta de resíduos finalizada por palestras, debates e uma exposição sobre os impactos da atividade humana na vida marinha. O Fórum de Sustentabilidade terá cinco edições no decorrer do ano, em que cada um abordará temáticas diferentes: cidades e comunidades sustentáveis, consumo e produção responsáveis, ação contra a mudança global do clima, vida na água e vida terrestre.

Esses são cinco do total de 17 objetivos dos ODS, além de 169 metas que serão a agenda até 2030, quando se espera que estejam plenamente implantados. Para o coordenador do fórum, professor Júlio Rezende, a discussão dos objetivos leva os estudantes a participar ativamente da construção de ideias que possam contribuir para a sua execução. Aluna do 7º período de Engenharia da Produção da UFRN, Tuíla Lopes das Chagas acredita que o debate é o primeiro passo para instigar a nova geração de produtores econômicos a conversar mais com o meio ambiente. “As palestras ficaram para trás, hoje o que queremos são espaços de conversa, aprendizado e ação. Os fóruns preenchem essa necessidade”.

UNIVERSIDADE SUSTENTÁVEL
A sustentabilidade está presente na missão da UFRN e compõe um ponto central do Plano de Desenvolvimento Institucional (PDI) 2010-2019 para nortear ações acadêmicas e administrativas, que já têm exemplos práticos ao encontro dos ODS. A educação de qualidade está intrínseca à finalidade da universidade, enquanto a erradicação da pobreza e a redução das desigualdades são incentivadas através da Lei de Cotas, que destina 50% das vagas da instituição para estudantes de escolas públicas; e da política de assistência estudantil, por meio do Plano Nacional de Assistência Estudantil (Pnaes), que oferece suporte para a permanência e o êxito acadêmico dos universitários de baixa renda.

Outro objetivo da Agenda 2030, a igualdade de gênero compõe o trabalho do comitê “UFRN com Diversidade”, instalado para propor ações de enfrentamento à violência de gênero que contribuam para a solidificação de uma cultura de respeito às diferenças. Já a parceria firmada com a Fundação Nacional de Saúde (Funasa) atende o objetivo de zelar pela água potável e promover o saneamento básico, visto que essa é a meta do trabalho realizado junto a 86 municípios potiguares, com os quais a UFRN colabora para a elaboração de seus planos de saneamento.

Internamente, a Estação de Tratamento de Esgotos (ETE) da instituição tem as atividades gerenciadas pela Diretoria de Meio Ambiente (DMA) da Superintendência de Infraestrutura (Infra), que coordena a política de urbanismo e meio ambiente em consonância com a Política Ambiental da UFRN. A promoção da energia limpa e acessível também é realidade na universidade, em que a Comissão Interna de Conservação de Energia (CICE) pretende reduzir o consumo inicialmente substituindo lâmpadas menos eficientes por outras de LED, com planos de utilizar fontes renováveis. Ainda nesse campo, está em construção o Laboratório de Energias Renováveis na Escola Agrícola de Jundiaí (EAJ), em Macaíba, para o desenvolvimento de matrizes como a eólica e a solar.

Em âmbito nacional, uma Comissão Nacional dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável foi criada pelo Governo Federal para acompanhar, internalizar, interiorizar e difundir a execução da Agenda 2030. Os representantes do grupo foram designados no mês de maio e serão empossados no dia 29 de junho, entre eles a reitora da UFRN, Angela Maria Paiva Cruz, como representante da sociedade civil no papel de presidente da Associação Nacional de Dirigentes das Instituições Federais do Ensino Superior (Andifes).

“Como conjunto de universidades, iremos ajudar a construir diretrizes para o Brasil pensando em propostas que ajudem as instituições de ensino superior a cumprir suas missões nas variadas regiões do país. Nada melhor que gerar e disseminar conhecimento embasados em princípios de sustentabilidade que garantam um futuro mais seguro, com cuidados não apenas ambientais, mas na formação para a cidadania plena”, declara a reitora sobre os planos de trabalho na comissão.

SUSTENTABILIDADE E INOVAÇÃO
A inovação tem forte representatividade na UFRN, que possui três cartas patentes e 166 pedidos de registros de patentes, 98 registros de programas de computador aprovados e 112 solicitados, além de oito marcas registradas e 33 solicitadas junto ao Instituto Nacional de Propriedade Industrial (INPI). O foco na aplicação social ganha destaque em ações como o Laboratório de Sustentabilidade, do departamento de Engenharia da Produção, onde são desenvolvidas pesquisas sobre a utilização de materiais de reuso e tecnologias de apoio a assentamentos em regiões áridas.

Um dos seus projetos é o Tempo de Reciclagem, realizado uma quarta-feira por mês para receber interessados em consertos ou no desenvolvimento de novos produtos a partir da reciclagem criativa. As próximas edições estão marcadas para 19 de julho, 23 de agosto, 13 de setembro, 18 de outubro e 08 de novembro. Outra iniciativa é o Mars Lab, onde alunos e professores estudam o desenvolvimento de tecnologias espaciais que podem ser empregadas no semiárido.

“Fazemos um paralelo entre a escassez de recursos em Marte e as dificuldades de quem vive no sertão. Como resultado, pensamos em criações com aplicabilidade em tecnologias sociais”, afirma o professor e coordenador do laboratório, Júlio Rezende. Já no Museu Espaço Marte, os visitantes encontram recursos como artefatos em 3D, maquetes, quadros explicativos, vídeos e até aplicativos em realidade virtual que provocam a sensação de estar no planeta vermelho.

Para os participantes, a experiência aprofunda o aprendizado nas áreas estudadas. O bolsista Victor Rodrigues, estudante do 9º período de Engenharia Mecânica e amante da ciência espacial, acredita que os conhecimentos irão ajudá-lo na carreira que pretende seguir: a engenharia aeroespacial. “As capacidades adquiridas só enriquecem meu interesse na área”, assegura.

O Laboratório de Sustentabilidade fica no campus central da UFRN, em Natal, e está aberto à visitação da comunidade em geral. Já no interior, outro projeto apresenta um conceito inovador de educação e pesquisas em sustentabilidade. O Núcleo de Pesquisa em Engenharia, Ciência e Sustentabilidade do Semiárido (Nupecs) funciona em Caiçara do Rio do Vento, a 100 quilômetros da capital, e possui um leque de iniciativas que envolvem alunos e professores da UFRN.

CONSTRUÇÕES SUSTENTÁVEIS
Uma delas é a experiência de construções sustentáveis, como casas de garrafas PET e vidro. O processo produtivo desta última foi tema do Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) do engenheiro de produção Luiz Vaz, que diz ter aprendido os conceitos e pilares da sustentabilidade na prática. Atualmente, uma casa de pneus reaproveitados está em produção e planeja-se utilizar recursos materiais disponíveis no próprio local para uma experiência de arquitetura orgânica.

Também coordenador do Nupecs, o professor Júlio Rezende explica que os projetos buscam mostrar o resíduo não como inimigo, e sim como parceiro se aproveitado de forma criativa. “Trata-se de uma verdadeira exposição de tecnologias sociais e ambientais, onde inclusive os governantes têm acesso a ideias para aplicar em suas cidades”. Interessados podem agendar visitas tanto ao Nupecs quanto ao Laboratório de Sustentabilidade da UFRN. Outras informações estão disponíveis nos sites www.nupecsufrn.blogspot.com e www.sustentabilidadelab.blogspot.com. [Marina Gadelha – ASCOM – Reitoria/UFRN]

Fotos relacionadas à divulgação

Senado aprova indicação do potiguar Ricardo Andrade para diretoria da ANA

Após ser aprovado na semana passada pela Comissão de Meio Ambiente (CMA), o Senado aprovou a indicação do potiguar Ricardo Medeiros de Andrade para o cargo de diretor da Agência Nacional de Águas, que ocupa a vaga do também norte-rio-grandense Paulo Lopes Varella Neto.

“Quero assegurar aos senhores senadores que estamos realmente aprovando um nome que, pelo seu trabalho e pela sua luta em favor de uma melhor política de recursos hídricos, merece o voto de todos nós”. A observação foi feita pelo senador Garibaldi Filho, durante a votação. Foram 58 votos favoráveis e sete contrários.

CMA

Na semana passada, o nome de Ricardo Andrade foi aprovado, por unanimidade, na Comissão de Meio Ambiente (CMA). Quando Garibaldi Filho foi governador do Rio Grande do Norte, Ricardo Andrade ocupou diversos cargos no âmbito da Coordenadoria de Recursos Hídricos. “Ricardo e Paulo Varella integraram a equipe responsável pela implantação de cerca de mil quilômetros de adutoras que hoje estão minimizando os efeitos nefastos de uma seca que já entra no seu sexto ano”, lembrou Garibaldi Filho. [com assessoria]

terça-feira, 27 de junho de 2017

Maturidade com qualidade de vida; Natal ganha espaço para pessoas acima dos 50

Espaço Marias chega para atender população madura que busca incrementar projetos de vida, convívio social e ocupar a mente com o chamado ócio criativo

Quando se chega à fase da vida madura, em que os filhos já estão adultos, cuidando da própria vida, a aposentadoria batendo à porta, surge a fatídica pergunta: e agora? A pergunta costuma vir acompanhada do medo da velhice, de ficar sozinho, de não ter mais um projeto de vida. Esta combinação pode resultar em depressão e outras doenças associadas. Mesmo que saudável física e mentalmente, muita gente nesta situação acaba se isolando e envelhecendo mais rápido do que se mantivesse a vida social mais ativa.

É com foco neste público, que cresce a cada ano, dado o aumento da longevidade da população brasileira, que o Espaço Marias, que abre na segunda quinzena de julho, foi pensado. O empreendimento visa subsidiar pessoas a partir de 50 anos para a realização de novos projetos de vida, com base no conhecimento, na arte, na convivência e qualidade de ocupação do tempo, favorecendo o desenvolvimento dentro de cada fase da vida.

A iniciativa do projeto, pioneiro em Natal, é da assistente social e administradora Patrícia Vasconcelos, que fundamentou a abertura do negócio em pesquisa sobre o envelhecimento da população natalense. De acordo com o estudo, a proporção de idosos se apresenta elevada em bairros como Petrópolis e Lagoa Seca, ambos em torno de 20%, e Tirol, 18%. Nestes bairros verificou-se forte presença feminina (respectivamente, 14%, 12% e 11%) o que sugere a ocorrência da “feminização” da velhice.

Ou seja: a longevidade das mulheres é maior que a dos homens: há mais idosas acima de 80 anos (10%), em comparação aos homens (5,5%). Os idosos com renda maior que 10 salários mínimos estão nos bairros de Petrópolis, Tirol, Areia Preta, Capim Macio, Barro Vermelho, Ribeira, Candelária, Lagoa Nova e Ponta Negra.

“Também tomei como referência minha área de conhecimento na perspectiva da subjetividade e comportamento do indivíduo em ambientes sociais, assim como minha própria experiência familiar com a realidade pós aposentadoria dos meus pais”, aponta Patrícia Vasconcelos.

O Espaço Marias oferece dois tipos de serviço: o “Day Use”, com atividades oferecidas ao longo do dia, que inclui reflexões, oficinas de trabalhos manuais e de beleza, rodas de conversa, alongamentos, cursos de informática e redes sociais, massoterapia, yoga, entre outras.

O outro serviço são as atividades abertas aos que não optam pelo “Day Use”, como os grupos de ajuda mútua, onde são discutidos temas como relações familiares, relação conjugal, medo de envelhecer e vivência do Mal de Alzheimer; academia na qualidade de vida; palestras; atividades laborais e o que mais a pessoa se interessar em fazer no Espaço. Também serão oferecidas refeições e a área é aberta para encontros sociais.

“Pretendemos subsidiar a reconstrução de projetos de vida na idade madura, de forma que essas pessoas possam romper os estigmas de dependência, de falta de qualidade de vida e   falta de perspectiva”, pondera Patrícia. [por assessoria de imprensa]

Imagem relacionada à divulgação

Prato sobremesa “Petit Gateau do Sertão” é o campeão do Festival Gastronômico de Caicó

Festival Gastronômico e Cultural de Caicó reuniu todos os sabores na Ilha de Sant’Ana, no último final da semana. Na categoria Sobremesa o campeão foi Petrônio Dantas (foto) com o prato “Petit Gateau do Sertão”. Este é o segundo prêmio conquistado por Petrônio, que tem como profissão a advocacia. Os outros campeões concorrentes foram, para o Prato Principal: Hortência Araújo/Glauber Soares (Danado de Bom) e na categoria Petisco: Josifran Gomes (Tapioca Cabra da Peste).

Tudo isso é valioso para incentivar e divulgar a nossa cozinha seridoense, tradicional na qualidade e riqueza de sabores, herdados de nossos povos passados, o índio, o negro escravo e colonizadores europeus.

Atrações

Ainda na Ilha de Sant’Ana foram realizadas de sexta (23) a domingo, atrações juninas como Festival de Quadrilhas, Feira de Artesanato e Shows Musicais, encerrando com um tributo ao cantor e compositor seridoense Elino Julião, com as cantoras Dodora Cardoso, Nara Costa e Tânia Soares.
Foto reproduzida do facebook
©2017 www.AssessoRN.com | Jornalista João Bosco Araújo - Twitter @AssessoRN

segunda-feira, 26 de junho de 2017

Prêmio Estácio de Jornalismo encerra inscrições com recorde de reportagens concorrentes

Com 386 matérias jornalísticas, sétima edição superou a de 2016 em 17%; finalistas serão anunciados em agosto

Com recorde de reportagens, o Prêmio Estácio de Jornalismo encerrou o prazo para inscrição no dia 25/06. No total 386 reportagens vão concorrer em 9 categorias, com premiações variando entre R$ 10 mil (mídias regionais), R$ 15 mil (mídias nacionais) e R$ 25 mil (Grande Prêmio Estácio). A edição 2017 registrou um aumento de 17% em relação ao prêmio de 2016, que contou com 331 matérias concorrentes.

Este ano a premiação conta com a participação de veículos de imprensa de 24 estados e do Distrito Federal. Somando as reportagens jornalísticas inscritas nas sete edições, são mais de 1.800 entre as mídias impressa (jornais e revistas), TV, rádio e internet.

JULGAMENTO
A apreciação das reportagens será realizada em três etapas: na primeira, uma comissão da Estácio ficará encarregada de fazer a pré-seleção dos trabalhos. Caberá a esta comissão averiguar se as matérias seguem os critérios definidos pelo regulamento.

As reportagens que atenderem aos critérios do regulamento serão encaminhadas para a Comissão de Seleção. Esta comissão será integrada por professores de Jornalismo da Estácio, com atuação no mercado de trabalho em várias partes do país. Caberá a eles indicar os 3 (três) finalistas de cada categoria (Impressa, TV, Rádio e Internet), nas modalidades Nacional e Regional.

Na terceira e última etapa, uma Comissão de Premiação, composta por formadores de opinião de projeção nacional, terá a função de escolher os nove vencedores do Prêmio Estácio de Jornalismo – edição 2017 (nas 8 categorias e do prêmio principal, o Grande Prêmio Estácio de Jornalismo 2017). Os membros da Comissão de Premiação serão conhecidos e divulgados ao longo do processo.

RESULTADOS

Os finalistas terão seus nomes divulgados em agosto e o anúncio dos vencedores será feito durante solenidade, em outubro, em lugar e data a serem divulgados oportunamente. Só nesta data serão divulgados os nomes dos vencedores. 

INFORMAÇÕES:
Andre Marins: (21) 3311-9835
Fernanda Andrade: (21) 3311- 9866
Luciana Velho: (21) 3311-8940
E-mail: imprensa@estacio.br
Mídias Sociais:
Facebook: www.facebook.com/PremioEstacioDeJornalismo
Twitter: https://twitter.com/premioestacio
por assessoria de imprensa

Novo Bar de Ferreirinha é o atual endereço do blog caicoense

Os editores do Blog Bar de Ferreirinha informam que o endereço da página foi excluído da plataforma do Google e que por isso um novo foi criado: www.novobardeferreirinha.blogspot.com.br para dar continuidade ao blog que foi inaugurado em maio de 2009, há mais de oito anos.

Segundo os editores, com a exclusão do endereço: bardeferreirinha.blogspot.com.br sem maiores explicações, foi solicitado um pedido de reconsideração ao Google, tendo em vista que há milhares de textos produzidos pelos editores e colaboradores que dizem respeito à cultura do povo de Caicó e do Seridó. “Muitos destes textos viraram livros, com enorme repercussão na cena cultural norte-rio-grandense”.

Torcemos para que os editores Roberto e Pituleira providenciem, como estão anunciando, um registro de domínio próprio do Bar que dê garantia da propriedade e integridade do conteúdo que eventualmente for publicado.

©2017 www.AssessoRN.com | Jornalista João Bosco Araújo - Twitter @AssessoRN

Médica potiguar é homenageada na 15ª Mostra Nacional Expoepi; evento será aberto nesta quarta

Maria do Carmo Lopes de Melo é graduada em medicina pela UFRN. Oito profissionais médicos foram selecionados para serem homenageados na edição deste ano

Nesta 15ª edição da Mostra Nacional de Experiências Bem-Sucedidas em Epidemiologia, Prevenção e Controle de Doenças (Expoepi), promovida pela Secretaria de Vigilância em Saúde, do Ministério da Saúde, entre os homenageados está a médica potiguar Maria do Carmo Lopes de Melo, selecionada pela notoriedade do trabalho prestado à saúde pública do Rio Grande do Norte e do Brasil, onde atua no trabalho de redução da mortalidade materna e infantil, formação, educação continuada e assistência, promovendo a saúde e tornando o SUS cada vez mais forte.

A 15ª edição da Expoepi será aberta nesta quarta-feira (28), e segue até sexta (30), no Centro de Convenções Ulisses Guimarães, em Brasília, que a cada mostra presta homenagens às personalidades de destaque que fortalecem o Sistema Único de Saúde (SUS). A promoção da saúde sempre é um dos principais temas nos debates da Expoepi que durante o evento os participantes também poderão acompanhar painéis, mostras competitivas e mesas redondas, com discussões atualizadas sobre a vigilância em saúde no País. A última edição da Expoepi foi realizada em 2014.

Os outros homenageados, totalizando oito especialistas por seus trabalhos desenvolvidos ao longo de suas carreiras, são: Adriana Suely de Oliveira Melo (médica graduada pela Universidade Federal de Campina Grande/PB; Amilcar Tanuri (Formado em medicina pela Universidade Federal do Rio de Janeiro; médica Ana van der Linden (graduada na Universidade Federal de Pernambuco (UFPE)); Elisabeth Conceição de Oliveira Santos (Graduada em biomedicina pela Universidade Federal do Pará); médico sanitarista e epidemiologista Jarbas Barbosa da Silva Jr (Graduado em Medicina pela Universidade Federal de Pernambuco); Volney de Magalhães Câmara (professor titular da Faculdade de Medicina e do Instituto de Estudos em Saúde Coletiva da Universidade Federal do Rio de Janeiro); e Vanessa van der Linden Mota (médica graduada pela Universidade Federal de Pernambuco). Confira aqui o perfil da Dra. Maria do Carmo e dos outros homenageados.

Alimentação saudável

A edição deste ano da 15ª Expoepi será destacada pela alimentação saudável. Além de fortalecer as ações de promoção à saúde e prevenção de doenças crônicas não transmissíveis, como hipertensão, diabetes e obesidade, uma das prioridades do Ministério da Saúde, a seleção do cardápio está de acordo com a Portaria nº 1.274, de 7 de julho de 2016, que apresenta diretrizes sobre alimentação adequada e saudável nos ambientes de trabalho. Também está em sintonia com “Guia para a elaboração de refeições saudáveis em eventos”, publicação lançada no ano passado pelo Ministério da Saúde e pelo Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome.

Premiação

Os prêmios da 15ª Expoepi, regulamentados por edital público, totalizam o montante de R$ 969.000,00, e para todas as categorias previstas serão premiados os três primeiros colocados. Serão premiadas as experiências bem-sucedidas dos serviços de saúde; os trabalhos técnico-científicos no âmbito de programas de pós-graduação dos profissionais que atuam no SUS; e experiências bem-sucedidas conduzidas pelos movimentos sociais que contribuíram para o aprimoramento das ações da vigilância em saúde. Saiba mais sobre a 15ª edição da Expoepi.
Foto reproduzida do site da 15ª Expoepi

©2017 www.AssessoRN.com | Jornalista João Bosco Araújo - Twitter @AssessoRN

Durval Paiva e Banco do Nordeste proporcionam reestruturação de classe escola hospitalar

A Casa Durval Paiva em parceria com o Banco do Nordeste, através do CONSEC/RN - Conselho Estadual dos Direitos da Criança e do Adolescente, mediante recursos do FIA - Fundo Especial para Infância e Adolescência, fez nesta segunda (26), a entrega de equipamentos, móveis e materiais pedagógicos adquiridos para a reestruturação da Classe hospitalar que funciona na Policlínica da LIGA – hospital de referência no tratamento do câncer infantojuvenil em Natal.

O Projeto Classe Hospitalar visa à promoção, proteção e defesa dos direitos da criança e do adolescente, garantindo o direito à educação independente da condição de saúde, além de minimizar as perdas educacionais enquanto as crianças/adolescentes estão em tratamento.
O público alvo do projeto são todas as crianças e adolescentes cadastrados na Casa e que se encontram em tratamento oncológico, com idade de 0 a 18 anos, dentro de uma rotina preestabelecida, de acordo com a faixa etária e o ano que está cursando.

Para Fabrizzio Feitosa, superintendente do BNB no RN, a atuação da Casa é de suma importância para a sociedade. “Enquanto superintendente do Banco do Nordeste, acredito que não há como não se sentir recompensado por apoiar uma causa tão nobre. Solidariedade é uma palavra bendita, principalmente para quem está do outro lado, necessitando de apoio em um momento tão difícil da vida", ressalta.

Rilder Campos, presidente da Casa, destaca a importância da iniciativa: “Com a reestruturação do espaço e acervo da classe hospitalar queremos contribuir para o desenvolvimento cognitivo, afetivo e social, na perspectiva de promover elementos que potencializem o acesso às informações, direitos e a participação cidadã dos pacientes.”, registra.
Sandra Cerqueira
Assessora de Imprensa
sandracerqueira@hotmail.com
Na luta contra o câncer, quanto mais cedo, melhor!
Foto relacionada à divulgação

Formatura de mais 600 alunos do Proerd em Currais Novos

Nesta segunda-feira (26), aconteceu a formatura de mais uma turma do Programa Educacional de Resistência às Drogas (Proerd) da Polícia Militar do Rio Grande do Norte, desta vez o evento aconteceu em Currais Novos, na praça Tetê Salustino. Mais de 600 estudantes de cerca de 10 escolas – entre públicas e particulares – foram beneficiados pelo programa durante o primeiro semestre.

O secretario adjunto da Secretaria de Estado da Segurança Pública e da Defesa Social (Sesed), coronel Osmar de Oliveira, esteve no evento e destacou a importância do Proerd. “O Programa Educacional de Resistência às Drogas representa uma visão preventiva de responsabilidade social, que educa as nossas crianças e adolescentes para que, no futuro próximo, tenhamos uma sociedade cada vez mais formada por pessoas éticas e probas, que longe da criminalidade, dizem não às drogas.”

Somente neste primeiro semestre, foram quase 8 mil alunos atendidos em todo o Estado. Para o final do ano, a estimativa é que mais de 15 mil crianças e adolescentes tenham contato com o Proerd. [Assessoria Imprensa Sesed]

Foto relacionada à divulgação

Artigo descreve a trajetória da ex-governadora Wilma de Faria: A guerreira que partiu

A guerreira que partiu

Por Fernando Antonio Bezerra*   

A Governadora Wilma partiu para o horizonte que a fé nos faz enxergar. Apesar de sofrer de perversa enfermidade, havia fundada esperança de que a vida terrena de Wilma Maria de Faria fosse mais adiante... Ela resistiu com o brilho das forças que a moveram durante toda a vida, mas, infelizmente, o suspiro derradeiro aconteceu no último dia 15 de junho e causou, merecidamente, o lamento de muitos.

A história dela, mais ou menos, a maioria conhece. Nasceu em Mossoró, cresceu em Caicó, alicerçou sua liderança política em Natal. Wilma Maria de Faria nasceu do enlace de Morton Mariz de Faria com Francisca Sales Paraguai Faria (Dona Saly) no dia 17 de fevereiro de 1945. Dr. Morton, o pai, era seridoense de Serra Negra do Norte, sobrinho de Juvenal Lamartine de Faria e Dinarte de Medeiros Mariz, dois grandes líderes potiguares que chegaram ao cargo de Governador do Estado em épocas distintas.

Ainda jovem casou com o médico Lavoisier Maia Sobrinho que, anos depois, fez vitoriosa carreira política exercendo cargos de Governador do Estado, Senador da República, Deputado Federal e, por fim, Deputado Estadual. É o pai dos filhos que Wilma gerou: Ana, Lauro, Márcia e Cíntia. Mesmo diante de intensa atividade política e, depois do início da década de 90, separados, o casal - Lavoisier e Wilma – conseguiu manter presença muito ativa e amorosa na vida dos filhos e netos, fato conhecido por todos que conhecem a família.

Na década de 70, mesmo casada com um médico e, ainda, em uma época em que as mulheres não eram tão cobradas em relação a vida profissional, Wilma de Faria não se acomodou. Concluiu graduação em Letras, fez especialização, tornou-se professora da UFRN. Logo em seguida, com o marido no exercício do cargo de Governadora, novamente ousou, tendo protagonismo mais destacado na área de assistência social, tanto é que se tornou naturalmente o nome para assumir, no governo seguinte, liderado naquela época por José Agripino Maia, a Secretaria do Trabalho e Bem-Estar Social (STBS).

Credenciada por uma atuação direta com a população e já sendo percebida pelo carisma que lhe era próprio, Dona Wilma Maia, como assim por muito anos foi chamada, se tornou candidata a Prefeita de Natal, no já distante ano de 1985. Eleitoralmente não obteve sucesso, mas politicamente saiu fortalecida. Prova disso é que no ano seguinte, 1986, foi a mais votada Deputada Federal do Rio Grande do Norte e, no mandato, uma das mais atuantes da Câmara dos Deputados, inclusive, na Assembleia Constituinte.

Em 1988 voltou a disputar – e ganhou - a Prefeitura de Natal. A partir daí consolidou sua liderança na Capital de todos os potiguares vencendo, ela própria, as eleições municipais de 1996 e 2000 como Prefeita; 2012, Vice-Prefeita e 2016, Vereadora. Conhecia Natal como poucos, especialmente, os bairros e as pessoas mais simples com as quais gostava de conviver.

Em 1994 apresentou-se como candidata a Governadora. Era, apesar de sua conhecida ousadia, um projeto muito difícil para a época. José Torres Filho (Binha), nosso conterrâneo caicoense, foi o candidato a Vice-Governador. Não obteve êxito, mas a luta continuou com um olhar para Natal, onde logo voltou a Prefeitura (1996), e outro para o Rio Grande do Norte que, em 2002, a elegeu Governadora, aliás, a primeira mulher a chegar ao cargo máximo do Executivo potiguar. Em 2006 foi reeleita, vencendo a disputa contra Garibaldi Filho, principal concorrente à época.

A eleição de 2002 merece capítulo especial. Novamente, Wilma de Faria foi ousada. Renunciou à Prefeitura de Natal, reuniu um grupo pequeno, conseguiu reunir o segmento evangélico na indicação de Antonio Jácome para Vice-Governador, enfim, foi, pouco a pouco, demonstrando a viabilidade de sua proposta e vitória. Conseguiu
chegar no segundo turno, juntou mais lideranças e grupos, envolveu a população. Venceu a eleição com folgada maioria.

No início do Governo, diante do desafio da governabilidade presente no regime presidencialista brasileiro, precisou fazer alianças para a sustentação política, fato que inibiu algumas das mudanças políticas que desejava imprimir, ainda assim, conseguiu lançar candidaturas próprias do PSB, seu partido, em diversos Municípios, inclusive, com lideranças que a apoiaram no primeiro turno de 2002, os primeiros que acreditaram na perspectiva de sua vitória.

Como Governo de realizações, poucos se comparam aos resultados obtidos pela gestão sob a liderança de Wilma de Faria! Com grandes projetos e relevantes programas, notadamente, na área social, o Governo, sob os cuidados dela, chegou a todos os municípios potiguares em diferentes áreas. No Seridó, em especial, muito foi feito, em todas as cidades. A Governadora Wilma tinha um coração seridoense calçado em suas lembranças da infância e adolescência em Caicó e Serra Negra do Norte. Gostava muito das coisas de nossas tradições, nutrindo particular admiração pelo artesanato e pela gastronomia. Não faltou à sua terra quando foi Governadora!

Wilma de Faria era idealista, trabalhadora, comprometida com o interesse público, inquieta para fazer mais e com melhor velocidade. Sabia ir ao encontro do povo e o fazia com uma naturalidade própria dos grandes líderes. Tinha consciência também do protagonismo histórico que exercia. Em 2010, por exemplo, conhecia as dificuldades que encontraria na disputa para o Senado Federal, mas desejava propor o debate, ao mesmo tempo em que não poderia deixar o seu grupo sem uma opção, mesmo com o seu pessoal sacrifício. Era, de fato, guerreira. Não temia a luta e a garra de sua ousadia fará muita falta a vida política do Rio Grande do Norte.

Fui auxiliar de seu Governo e, nos anos seguintes, um modesto colaborador de seu projeto político em um ambiente de recíproca amizade com ela, seu esposo, José Maurício, seus assessores mais próximos e familiares. Indiscutivelmente um privilégio profissional e pessoal, tanto pelo aprendizado, quanto pela oportunidade de participar de realizações que estão presentes na vida de milhares de pessoas.

Enfim, sua partida foi muito sentida... Parecia não ser verdadeira a imagem de seu velório na Catedral de Nossa Senhora da Apresentação em Natal. Muitos menos da caminhada final até o túmulo no Cemitério Morada da Paz. Em todos os momentos, o conforto aos familiares pelos incontáveis testemunhos de estima e respeito. Soluços e lágrimas de pessoas próximas e distantes, unidas pelo mesmo sentimento de gratidão à guerreira do povo.

*Artigo de autoria de Fernando Antonio Bezerra, publicado na página Novo Bar de Ferreirinha
Foto relacionada à publicação 

Delivery grátis por telefone nesta terça e quarta no Cascudo Bistrô

Nesta terça (27) e quarta (28), o restaurante Cascudo Bistrô estará isentando seus clientes da taxa do delivery, ou seja, a entrega dos pedidos será gratuita durante os dois dias. Porém, a promoção só é válida para pedidos feitos somente através do telefone do restaurante (3202.1005), portanto as compras realizadas pelos aplicativos não serão contempladas com a ação promocional. [por assessoria]

Imagem relacionada à divulgação

Hospital construído pelo Brasil no Haiti recebe nome da brasileira Zilda Arns

Unidade de saúde de referência, que atende mais de 200 pessoas por dia, passa a ter o nome da médica brasileira, morta no terremoto que atingiu a capital do país em 2010
O ministro da Saúde, Ricardo Barros, juntamente com o ministro do Desenvolvimento Social do Brasil, Osmar Terra, participaram sexta-feira (23) da cerimônia de batismo do Hospital Comunitário de Referência Dra. Zilda Arns, em Porto Príncipe, capital do Haiti. A unidade, localizada no bairro de Bon Repos, passa a levar o nome da médica brasileira que morreu vítima do terremoto ocorrido na capital haitiana em 2010. Zilda Arns foi três vezes indicada ao Prêmio Nobel da Paz.

O Hospital Zilda Arns é uma das três unidades de saúde construídas pelo Brasil no país, como parte do projeto internacional de reconstrução do Haiti. O hospital, que foi entregue ao governo haitiano em 2014, conta com aproximadamente 40 leitos e atende mais de 200 pessoas por dia em especialidades como Ortopedia, Ginecologia, Obstetrícia e Pediatria além de Clínica Geral.

Zila Arns, fundadora da Pastoral da Criança, é reconhecida mundialmente pelo trabalho humanitário voltado à redução da mortalidade infantil. [Portal da Saúde > Saiba mais]
Imagem reproduzida da internet/divulgação
Postagens mais recentes Postagens mais antigas Página inicial
Copyright © AssessoRN.com | Suporte: Mais Template